segunda-feira, 18 de junho de 2012

Preto

Antes talvez excesso..
Preto é excesso de cores, misturadas, juntas

Não se percebe cor da cor
só se vê pretidão

O escuro que desorienta e dilui
todo e qualquer sentimento

Talvez o fim?
Despedidas que casam, palavras que se ausentam
Faltam

Saudade de um abraço
Ferida por um passo

Nenhum comentário:

Postar um comentário